sexta-feira, 22 de abril de 2011

Ciência Política Tucana II





Ciência Política Tucana II





O que é um alienado político?

Intrigante pergunta.

Caso seja referência ao ex-presidente FHC, cujas preocupações sociais são circunscritas a Higienópolis e áreas compatíveis em que não circula o “povão” (exceto para limpar alguma coisa do não-povão), estamos falando de um caso de intenso interesse psiquiátrico, cujas repercussões políticas ainda são avaliadas.

Como é notório, o barão bicudo andou cometendo incontinências verbais na mesma semana em que seu partido parece ter se des(a)plumado de diversas formas: defecção de mais da metade de seus vereadores em São Paulo; correligionário mineiro cometendo subsequentes delitos de trânsito no Rio de Janeiro; o Reitor Rodas, da USP, mostrando para o país o laboratório tucano para revogação de direitos trabalhistas com os terceirizados que não recebem salários, mas devem se restringir a trabalhar e não exigir dignidade por serem invisíveis em suas tarefas subalternas.

O repúdio ao “povão” é emblemático das elites reacionárias, nacionais ou forâneas.

Essa história do “povão” frequentar aeroportos, fora do horário da faxina, é mais uma das distorções do mundo contemporâneo, cujo exame minucioso é pretendido por FHC e entourage. Perplexos, os iluminados doutores findam seus dias acabrunhados e suplicando aos deuses do mercado resposta satisfatória para as angústias dos superiores ignorados peremptoriamente pelos inferiores, ingratos e insensíveis.

Como as ações do PIG têm sido inócuas, bem como as tentativas em sensibilizar os quartéis sobre os riscos de deslocamento do eixo terrestre caso permaneça tais anomalias, a turma da cobertura tucana começou a se dar conta igualmente de algumas coisas um tanto desagradáveis.

Cada vez mais hostil a ordens não-remuneradas, a criadagem exige pagamento por serviços prestados. A realeza destituída, não podendo recorrer aos chicotes de antanho, franze a testa em sinal de desgosto e impotência, resmungando a que alturas isso elevará o custo Brasil.






Para ler Ciência Política Tucana I, clique abaixo:


http://agenorbevilacquasobrinho.blogspot.com/2011/04/ciencia-politica-tucana.html


Para ler Ciência Política Tucana III, clique abaixo:

http://agenorbevilacquasobrinho.blogspot.com/2011/04/ciencia-politica-tucana-iii.html

2 comentários:

  1. Com todo respeito, ...
    o partido deles acabou,,, Não resistiu a 8 anos de
    #Tudo em Nome do Povo,
    e não sobreviverão a mais 4 anos de PT no Poder.
    Nem vou lembrar dos outros 4 anos a seguir,
    ainda com Dilma, ou com Lula,
    porque 2011 já é a pá de cal no caixáo.

    Eu amo te ler, sabia?

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, Carmen.

    Que possamos manter suas expectativas.

    Forte abraço!

    ResponderExcluir