terça-feira, 14 de junho de 2011

Serra e as oligarquias: reação e perspectivas



Serra e as oligarquias: reação e perspectivas


Reação diante da derrota







Dissabores e perspectivas
do candidato das oligarquias




Diante da espera de prováveis mais 8 anos, o candidato das oligarquias nacionais e internacionais, em desabafo para seus assessores mais próximos, teria confessado que ao ver o número 8 uma súbita alucinação o persegue, pois o dito algarismo deita-se e converte-se no símbolo do infinito.

Em virtude de tais relatos, os grupos que sustentam prodigamente a arca resolveram bancar a candidatura de um playboy, cujos comportamentos etílicos e morais deixaram na lona o ânimo dos mais atentos que vaticinaram o antecipado fracasso de tal empreitada.

Conta-se que os caciques das referidas agremiações já utilizaram vodu e outras técnicas heterodoxas, mas os resultados se revelaram inócuos.

Certa vidente, de grande reputação pelo seu estilo franco, profetizou sem pestanejar: "Vocês estão muito manjados. O povo gosta de novidades. O melhor é fechar as portas. Criem uma sigla nova, o povo vai achar que é diferente e aí, quem sabe, vocês voltam a ter chances."





Nenhum comentário:

Postar um comentário